Fechar
/home/iqp6fzsh7ogs/public_html/wp-content/themes/sap-diversidade/src/assets/img/logo-pt_BR.svg

CIDADE DO MÉXICO muro por Gonzalo

O talento de cada um

Cristina Bottolo

Services Sales COO | Latin America

Desde seus primeiros passos há mais de vinte anos atrás, Cristina tem acompanhado de perto as transformações no mercado de tecnologia. Começou trabalhando com sistemas: primeiro como analista, depois como programadora, e por último como consultora. Viu surgir o primeiro software financeiro, aventurou-se no setor de serviços em uma empresa de hardware e foi assim que descobriu que sua verdadeira paixão eram os aplicativos. Ingressou na SAP há quase dez anos atrás durante uma crise econômica global que levou as empresas a fazer uma revisão de seus processos tecnológicos para torná-los mais eficazes.

Após enfrentar diferentes desafios ao longo de sua vida profissional, em 2016 decidiu começar um novo projeto. Passou a liderar o primeiro comitê para pessoas com capacidades diferentes na SAP Argentina. O grupo forma parte de uma rede de colaboradores que se reúnem voluntariamente para discutir e implementar iniciativas relacionadas ao tema.

Reafirmando assim a necessidade de repensar o conceito de deficiência, disse:

Este tipo de ação é necessária porque a inclusão nem sempre ocorre naturalmente no mercado de trabalho. Precisamos estar preparados para trabalhar com pessoas de acordo com seus talentos, o que acaba sendo bastante enriquecedor para todos. O fato de que se encarreguem de uma tarefa específica não significa que não tenham outros talentos.

A motivação para ingressar nessas redes costuma ser o resultado de uma conexão direta com o tema. No entanto, nem Cristina nem ninguém próximo a ela possui alguma deficiência. Foi mais o simples desejo de promover a inclusão o que a motivou a assumir essa responsabilidade. Sentiu-se particularmente motivada pelos excelentes resultados do programa Autism at Work (AaW) da SAP, cujo objetivo é o de promover a inclusão de pessoas dentro do espectro autista e ampliar a diversidade na empresa.

Um dos membros da rede, que ingressou na SAP através do AaW, tem sido a chave para o sucesso da equipe. Além de ser uma ás da tecnologia, ela trouxe consigo e compartilhou seu conhecimento sobre atividades inclusivas. Foi dela a ideia de organizar uma palestra com o criador do “Bastón Verde”, um projeto que encoraja o uso de um bastão verde para identificar as pessoas com baixa acuidade visual.

Dentre as primeiras ações empreendidas pelo grupo liderado por Cristina também se encontra a adaptação da infraestrutura da empresa para tornar as instalações completamente acessíveis e assim poder contratar o mais rápido possível pessoas com deficiência. Há, além disso, muitas outras atividades sendo conduzidas, desde o treinamento de recrutadores até a conscientização e sensibilização dos colabores sobre o tema.

O lançamento de um concurso interno para encontrar um slogan que desse nome à equipe foi parte dessa campanha de conscientização e sensibilização. O lema vencedor foi “PaSAPorte a la Igualdad” (Passaporte para a Igualdade). Cristina acredita que, nesses tempos tão complexos, é preciso considerar a igualdade de oportunidade como um meio essencial para aumentar a diversidade em todos os ambientes e sentidos. É por isso que ela insiste em conviver e compartilhar com pessoas de diferentes culturas, com diferentes experiências de vida, e encoraja a todos a seguir seu exemplo.

Monterrey 336, Roma Sur, 06760. Cidade do México, Distrito
Federal, México.